Teste de ovulação funciona? Como saber se posso engravidar? 

Você sabia que engravidar não é tão simples quanto parece? Além de só acontecer em uma janela bem específica de dias — o famoso período fértil —, existem váários fatores que podem interferir nesse processo. Por isso, usar um teste de ovulação pode ser uma alternativa interessante para otimizar suas chances de engravidar.

Se você nunca ouviu falar nesse teste, não precisa se preocupar: ele costuma ser recomendado para quem está tentando engravidar e quer ter um controle maior do momento em que isso pode acontecer. Afinal, ajuda a identificar essa janela fértil e a saber o melhor momento do mês para ter relações desprotegidas.

Ficou interessada? Quer saber se o teste de ovulação de farmácia funciona mesmo? A Oya te conta! É só continuar lendo.

Como funciona o teste de ovulação?

O teste de ovulação funciona de maneira semelhante a um teste de gravidez: sendo digital ou de fitinha, ele identifica, após o contato com a urina, a presença do hormônio luteinizante, o LH. 

Durante a fase do ciclo menstrual conhecida como ovulação, há aumento da produção de LH, que ajuda a maturar os óvulos em desenvolvimento. Quanto mais alto esse hormônio, mais próxima de liberar o óvulo está a pessoa que quer engravidar. 

A ovulação costuma rolar bem na metade do ciclo menstrual. Isso significa que, para um ciclo de 28 dias, ela acontece no dia 14. Por isso, é importante acompanhar os ciclos menstruais por alguns meses, especialmente quando você está tentando engravidar, mas não está rolando.

Como usar o teste de ovulação para engravidar?

Para quem deseja engravidar, o teste de ovulação pode ser uma ferramenta interessante. Por indicar com mais exatidão o momento da ovulação, ele pode ajudar um casal a planejar melhor o momento de ter uma relação desprotegida.

Associado a outras técnicas, como o agendamento de sexo, o teste de ovulação ajuda a aumentar as chances de engravidar ao tornar as tentativas mais assertivas. Além dele, porém, também vale ficar atenta a outros sintomas típicos da ovulação, como:

  • Aumento da libido;
  • Aumento da lubrificação íntima;
  • Secreção vaginal transparente e elástica.

Quando devo fazer o teste de fertilidade?

Os testes de fertilidade são indicados principalmente para casais que estão tentando engravidar há algum tempo, mas não conseguem. Esse é um dos principais sintomas de infertilidade, e, por isso, o teste de ovulação pode ajudar a entender qual é o período ideal para uma tentativa.

Além disso, o teste de fertilidade deve ser feito sempre durante o período fértil. Como explicamos, a ovulação acontece bem na metade do ciclo, e o período fértil é o momento de 3 dias antes e depois dessa data. Considerando um ciclo de 28 dias, portanto, seria o período do dia 11 ao dia 17. 

Dica da Oya: Se você não sabe muito bem a duração do seu ciclo, comece registrando a data da sua menstruação (o primeiro dia do ciclo!). No mês seguinte, faça o mesmo e depois conte os dias entre um ciclo e outro. Como nossos ciclos podem variar mês a mês, o mais indicado é fazer esse acompanhamento por alguns meses para entender o seu padrão. 

Nos casos em que há suspeita de infertilidade feminina, recomenda-se buscar o auxílio de uma médica especialista em fertilidade. Já para os casos de infertilidade masculina, embora existam testes de de fertilidade de farmácia que também prometem indicar a contagem de esperma, é melhor realizar um espermograma em laboratório.

O teste de fertilidade de farmácia funciona? Como fazer?

Mais ou menos. A gente explica:

Os testes de fertilidade vendidos em farmácias são eficazes para identificar o período fértil de pessoas do sexo feminino. Ainda assim, lembre-se: cada corpo é único, e variações no período de ovulação podem acontecer, principalmente se você está tentando engravidar aos 40.

Quando se trata dos testes de fertilidade masculina, porém, os resultados podem não ser suficientes. Isso porque, nesses casos, é medida apenas a quantidade de espermatozoides presentes no sêmen. E esse fator até é importante, mas não é o único relevante quando falamos da fertilidade masculina.

Em um espermograma tradicional, feitos em laboratório, são avaliadas também outras características, como mobilidade dos espermatozoides, volume total ejaculado, vitalidade e morfologia. Ou seja: os testes de farmácia até ajudam a entender se a quantidade de espermatozoides está adequada — e, se não, podem ser um alerta. 

Mas, sozinhos, esses testes não investigam a infertilidade masculina de forma apropriada.

Como fazer o teste de fertilidade feminino?

Para fazer o teste de fertilidade feminino, basta deixar a fita em contato com o fluxo de urina por 3 a 5 segundos. Outra opção é coletar a urina em um recipiente limpo e seco e deixar a fitinha em contato por 15 segundos, mais ou menos. Depois de alguns minutos, o resultado fica evidente.

Assim como nos testes de gravidez, a presença de duas linhas de mesma intensidade indica resultado positivo, ou seja, há alta concentração de LH e a pessoa é considerada no período fértil. Caso as linhas tenham intensidades muito diferentes ou haja apenas uma linha, o teste deve é negativo.

Para os testes digitais, o resultado é um pouquinho diferente: nos casos positivos, ele mostra uma carinha sorridente; no caso negativo, apenas um círculo. 

É importante ter atenção para algumas regrinhas antes e depois de fazer o teste, e sempre ler a bula:

  • Não pode ser feito com a primeira urina do dia;
  • Têm horário específico: em geral, das 15h às 20h, mas isso pode variar de acordo com o fabricante;
  • Os testes devem ser feitos em dias consecutivos, de preferência sempre no mesmo horário, mesmo com o resultado positivo.
  • Em caso de problemas na embalagem, o teste deve ser descartado.

Teste de ovulação caseiro funciona?

O teste de ovulação caseiro nada mais é do que a observação dos sinais do nosso corpo, que costuma se transformar ao longo do ciclo. No caso do período fértil, o teste leva em consideração a análise do muco vaginal. Para realizá-lo, é necessário colocar a ponta do dedo indicador na vagina e retirar uma pequena quantidade do muco, observando-se sua cor e consistência.

Durante a ovulação, o muco vaginal fica transparente e mais líquido. Por isso, é comumente chamado de “clara de ovo”. Se, ao realizar o teste caseiro, essas foram as características encontradas, pode-se considerar que você está ovulando.

No entanto, vale ressaltar que os testes de fertilidade de farmácia costumam ser mais precisos, e de interpretação mais fácil. No caso dos testes caseiros, qualquer problema vaginal — como a candidíase, muito comum — podem interferir na análise do muco e, portanto, gerar dúvidas. Além disso, nem todas as pessoas vão apresentar esse muco característico.

É importante lembrar, ainda, que o teste de fertilidade caseiro não indica o melhor dia para engravidar. Por isso, é necessário fazer um acompanhamento mais cuidadoso do ciclo menstrual. 

Estou tentando engravidar, mas não consigo. E agora?

Para quem está tentando engravidar sem sucesso, mesmo com a ajuda dos testes de ovulação, a melhor opção é buscar o auxílio de uma médica especialista em fertilidade. Desse modo, investigam-se outros fatores que podem contribuir para a dificuldade na gravidez.

Além disso, é importante ter em mente que engravidar não é um processo simples, apesar das muitas dicas para engravidar mais rápido. São diversas as possíveis causas para que um casal heterossexual encontre dificuldades nesse processo, e buscar ajuda profissional é a melhor maneira de tirar todas as dúvidas e encontrar o tratamento adequado.

A Oya pode te ajudar nesse processo: a Descoberta da Fertilidade é uma investigação profunda e completa sobre a fertilidade feminina. A partir do exame AMH, você recebe uma análise completa da sua saúde fértil e entende:

Tudo isso ao lado de uma equipe empática e preparada para te ajudar em cada etapa. O processo é totalmente online e, ao final, você também recebe um relatório personalizado com tudo o que descobrimos. 

Lembre-se: a sua saúde é sua. E a Oya Care une tecnologia e ciência para te ajudar a ter mais autonomia e conhecimento na hora de tomar decisões sobre a sua vida fértil. Vamos juntas?

ESCRITO POR

COM APOIO CIENTÍFICO DE

Responda todas as suas dúvidas

Nossa equipe de ginecologistas especializados em fertilidade, ginecologia endócrina e sexualidade pode te ajudar

Conheça a Oya Care

Acreditamos que conhecimento é poder e esse é nosso espaço para falar sobre vários assuntos importantes para sua saúde, sua fertilidade e muito mais

Leia também

a vida é fertil

A natureza da vida fértil!

Inspiradas por tudo que deu forma e sentido à nossa história como clínica que apoia fertilidade, natureza e potência feminina, convidamos amigas e parceiras que fizeram parte dessa caminhada para o

como me descobri no meu corpo

Como me descobri no meu corpo

Um convite a autodescoberta feminina e todas as suas camadas: da percepção do corpo, da mente, da sexualidade e da fertilidade

Conheça a Oya Care

Acreditamos que conhecimento é poder e esse é nosso espaço para falar sobre vários assuntos importantes para sua saúde, sua fertilidade e muito mais